Follow by Email

31 de agosto de 2016

ACABOU BRASILLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL AGOSTO DE 2016 DILMA ESTA FORA.

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: ACABOU BRASILLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL AGOSTO DE 2016...: A CABOU BRASILLLLLLLLLLLLLLLL AGOSTO DE 2016. AGORA DEVEMOS DESCOBRIR OS TRAIDORES DO VOTARAM NÃO PARA QUE A DILMA NÃO ...

ACABOU BRASILLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL AGOSTO DE 2016 DILMA ESTA FORA.



ACABOU BRASILLLLLLLLLLLLLLLL AGOSTO DE 2016.

AGORA DEVEMOS DESCOBRIR OS TRAIDORES DO VOTARAM NÃO PARA QUE A DILMA NÃO FICASSE INELEGÍVEL E DÁ DIREITO A ELA SER CANDIDATA EM 20018 - FICHA LIMPA SIM MAS ESSE NOSSO BRASIL É UM GRANDE PROBLEMA E TEMOS QUE TIRAR OS BANDIDOS QUE LÁ ESTÃO CABE A CADA UM DE NÓS.


MAS DOS MALES O MENOR TIRAMOS ESSA PTE CORRUPTA E A LUTA AINDA NÃO ACABOU VAMOS TRABALHAR PARA COLOCAR TODOS OS LADRÕES NA CADEIA.

NÃO ACABOU..... NÃO ACABOU..... NÃO ACABOU..... O NOSSO BLOG VAI CONTINUAR TRABALHANDO E DENUNCIANDO AS ROUBALHEIRAS DE TODOS OS CORRUPTOS.


DEIXE O SEU COMENTÁRIO PRECISAMOS DE 10 MIL COMENTÁRIOS.

PRESIDENTE DILMA PERDEU O SEU CARGO - Acabou. Dilma perde o cargo e o PT deixa o poder

Acabou. Às 13h37 desta quarta-feira, encerrou-se antecipadamente o governo de Dilma Rousseff, que iria até 31 de dezembro de 2018. 
Nesse horário, o presidente do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski  proclamou o resultado do processo de impeachment que começou a tramitar no Congresso Nacional em 2 de dezembro de 2015.
Por 60 votos a 20, os 81 senadores, juízes da causa, decidiram que Dilma deveria perder o mandato. 
Mas não se abreviou apenas o governo Dilma, 28ª Presidente do Brasil e primeira mulher a ocupar o cargo. Terminou também o ciclo do Partido dos Trabalhadores no Planalto.
Foram 13 anos marcados por momentos de euforia e arrancadas de crescimento  que desaguaram, no entanto, numa recessão histórica, causada por erros flagrantes de condução da economia.
Houve avanços sociais? É claro que houve. Mas os petistas gostam de afirmar que tudo começa com eles, e isso não é verdade. 
Em todos os países onde há democracia e economia de mercado, o vetor é de progresso social. No Brasil, isso acontece desde o começo dos anos 90. Pode haver retrocessos pontuais, mas não uma reversão completa da tendência.
O PT viu um desses retrocessos  acontecer recentemente. Entre 2012 e 2013, os índices de pobreza extrema tiveram seu primeiro aumento no Brasil em muitos anos. 
Segundo os dados oficiais da PNAD, a porcentagem de pessoas na pobreza extrema saltou de 3,63% para 4,03% da população.
Quanto às boas intenções, o PT não tirou do vácuo as medidas de combate à miséria. 

O embrião do Bolsa Família, para ficar só nesse exemplo, estava no governo Fernando Henrique Cardoso.
Quanto às boas políticas, um estudo de 2015 do Ipea – um órgão de pesquisas federal devidamente aparelhado pelo PT – teve de reconhecer que a desaceleração do crescimento no primeiro governo Dilma explica por que os esforços de erradicação da miséria não tiveram os efeitos desejados – muito pelo contrário.
E por que o crescimento desacelerou?
A economia petista teve ideias boas e ideias novas. Mas as boas não eram novas, e as novas não eram boas. Os períodos de maior desenvolvimento coincidiram com a adoção de uma cartilha de responsabilidade fiscal herdada, mais uma vez, do governo FHC. 
A derrocada começou com a tentativa de emplacar a famigerada Nova Matriz Econômica, que arrebentou as contas públicas, devastou a indústria e outras áreas de atividade,  causou desemprego em larga escala – e afetou até mesmo as bandeiras petistas na esfera social.
Os 13 anos do PT também foram marcados por uma tentativa sem precendentes de pôr o partido acima do Estado, ou o Estado para trabalhar pelo partido. 
Não se trata apenas das operações mais visíveis de aparelhamento da maquina administrativa, mas das “tenebrosas transações” – para citar Chico Buarque – desvendadas nos julgamentos do mensalão e, mais recentemente, do petrolão.
A era petista foi a da corrupção sistêmica posta a serviço não apenas do enriquecimento pessoal de dirigentes partidários – que também aconteceu! – mas também de um projeto de poder.
Dilma talvez possa dizer que foi “uma mulher honesta” por que não se encontram indícios de que dinheiro sujo foi parar na sua carteira, mas foi certamente uma política desonesta, porque mentiu muito mais do que a moral autorizava na campanha de 2014 e principalmente porque a engrenagem partidária que a elegeu foi fartamente lubrificada pelos recursos do petrolão
Pelas mesmas razões, Lula foi um político desonesto. Os casos do tríplex do Guarujá e do sítio de Atibaia indicam que não estava acima de locupletar de um arranjo corrupto para benefício próprio. 
Os 13 anos do PT no poder serviram também para sujar a imagem de um dos grandes líderes populares da história recente do Brasil. 
E a despeito de tudo que se possa dizer, ninguém é culpado por isso, exceto os próprios petistas.
Fica alguma herança boa desse tempo? O jeito petista de fazer política colocou a questão dos pobres no centro do debate brasileiro de uma tal maneira que será impossível para qualquer político que queira chegar ao poder tirar esse tema do topo da lista de prioridades. 
Nem sempre os argumentos foram honestos. 
O PT mobilizou o medo e demonizou adversários como gente que quer mal aos pobres, e fez isso por razões puramente eleitoreiras. 
Mas vá lá: blindou políticas sociais e coagiu toda a classe política a buscar soluções engenhosas para abordar as carências do país.
Há também uma “boa herança negativa”, com o perdão da expressão. Nunca mais um partido político chegará tão perto de colonizar o Estado como chegou o PT. 
Nunca mais um partido político poderá reclamar para si o monopólio do bem e da verdade como o PT reclamou. O Brasil está curado disso.
Acabou. 

O GOVERNO VAI PAGAR - R$ 3.284 PRA QUEM TEM 2 ANOS DE REGISTRO EM CARTEIRA? FALSO!

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: O GOVERNO VAI PAGAR - R$ 3.284 PRA QUEM TEM 2 ANO...: É verdade q ue quem trabalhou dois anos com registro em carteira tem direito a receber R$ 3.284,00 de abono do Governo?  Descub...

O GOVERNO VAI PAGAR - R$ 3.284 PRA QUEM TEM 2 ANOS DE REGISTRO EM CARTEIRA? FALSO!


CARTEIRA-DE-TRABALHO-E-PREVIDENCIA-SOCIAL-3É verdade que quem trabalhou dois anos com registro em carteira tem direito a receber R$ 3.284,00 de abono do Governo? Descubra aqui!

A notícia apareceu na web no final de março de 2016 e dá uma ótima notícia ao trabalhador brasileiro! De acordo com o texto que foi amplamente espalhado nas redes sociais – além de ter sido publicado em vários sites e blogs – todo trabalhador que possui mais de 02 anos de registro em carteira terá direito a um abono salarial do Governo Federal no valor de R$ 3.284,00.
O benefício, segundo o que a reportagem afirma, estaria disponível na Caixa Econômica Federal e poderia ser resgatado pelos trabalhadores que contribuíram para o Programa de Integração Social (PIS) ou para o Programa de Formação de Patrimônio do Servidor Público (PASEP).
Será que essa boa notícia é verdadeira ou falsa?
Verdade ou farsa?

Em primeiro lugar, nenhum dos sites e blogs qaue publicaram a notícia citou fontes confiáveis para que possamos comprovar a veracidade dessas informações. Tudo indica que quem publicou esse boato pela primeira vez foi um blog chamado Globo Universalque, como podemos ver abaixo, possui um layout semelhante ao do Portal G1, mas quenada tem a ver com as Organizações Globo (além de não citar nenhuma fonte):

No site da Caixa Econômica Federal não há nenhuma informação a respeito. Na página referente ao PIS, a CEF explica que para se ter direito ao abono salarial (que é de noMÁXIMO um salário mínimo), o trabalhador deverá:
  • Estar cadastrado no PIS há pelo menos cinco anos;
  • Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base;
  • Ter exercido atividade remunerada para Pessoa Jurídica, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
  • Ter seus dados informados pelo empregador (Pessoa Jurídica) corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).
Em 2015, o governo anunciou mudanças nas regras para o pagamento do abono salarial,que anteriormente era de um salário mínimo, para até um salário proporcionalmente ao tempo de contribuição. As mudanças entraram em vigor para pagamentos em 2016 visando a redução nos gastos do governo!
Só para se ter uma ideia, segundo cálculos do Ministério da Fazenda, cerca de 23 milhões de trabalhadores tinham direito ao abono em 2015, o que geraria um “gasto” de 18 bilhões de reais aos cofres públicos. Por isso, o governo federal conseguiu adiar parte dos pagamentos para o ano seguinte. Isso é porque o abono é de até um salário mínimo!
Se o abono fosse de R$ 3.284 (como o boato afirma), o governo iria ter que desembolsar cerca de R$ 70 bilhões!!!
Quem criou essa história se baseou em um dos princípios básicos de um “bom boato”: Trata de um assunto que atraia o maior numero de leitores. Afinal, quem é que não gostaria de receber um dinheirinho a mais no final do mês, não é?
Conclusão
Notícia falsa! Não há um benefício no valor de R$ 3.284,00 do governo te esperando na Caixa Econômica Federal! Com tamanha crise política e econômica assolando o país atualmente, é impossível que o país tenha fundos suficientes para arcar com esses pagamentos (se isso fosse verdade).
Fonte: e-farsas.com

A informação de que quem trabalhou por dois anos de CTPS assinada tem direito a X é enganosa.
Vamos lá:
Têm direito ao Abono Salarial os trabalhadores que atendem simultaneamente às seguintes condições:
– Estar cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos;
– Ter recebido de empregador contribuinte do PIS/PASEP (inscrito sob CNPJ) remuneração mensal média de até dois salários mínimos, durante o ano-base que for considerado para a atribuição do benefício;
– Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
– Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do ano-base considerado.

Resumindo, para a pessoa receber o PIS em 2016 tem que ter 5 anos de CTPS assinada, ter tido média mensal salarial de até dois salários mínimos em 2015, ter trabalhado com CPTS assinada pelo menos por 30 dias em 2015 e seus dados estarem corretamente descritos na RAIS.
Quem não sacou o PIS tem um prazo de 5 anos – a partir da data-base – para requerer esse benefício.
O valor anunciado, na verdade, é relativo aos rendimentos anuais do valor acima de dois salários mínimos, para trabalhadores cadastrados até o mês de outubro de 1988. Porém, as quotas só podem ser retiradas em casos específicos.
Comentário de Fernando Zuim – Advogado

30 de agosto de 2016

PRÓSTATA O MELHOR REMEDIO CASEIRO - Aqui estão os 10 melhores remédios caseiros para a próstata aumentada

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: PRÓSTATA O MELHOR REMEDIO CASEIRO - Aqui estão os ...: > Exercícios de Kegel Kegel ou  exercícios  pélvicos-reforço pode ajudar a aliviar alguns dos desconfortos da próstata aumentada, p...

PRÓSTATA O MELHOR REMEDIO CASEIRO - Aqui estão os 10 melhores remédios caseiros para a próstata aumentada

Resultado de imagem para PROSTATA> Exercícios de Kegel

Kegel ou exercícios pélvicos-reforço pode ajudar a aliviar alguns dos desconfortos da próstata aumentada, pois ajudam a apertar os músculos pélvicos específicos para ajudar a controlar a micção.
Esvazie a sua bexiga e deitar no chão com os joelhos dobrados e separados. Aperte os músculos do assoalho pélvico durante 5 segundos e depois relaxe-los por 5 segundos.
Repetir 10 a 20 vezes, 3 ou 4 vezes por dia. Músculos do assoalho pélvico são os músculos que você usa para parar o fluxo de urina.
Outra opção é apertar os músculos do seu ânus, e depois relaxar os músculos do assoalho pélvico. Fazê-lo de 10 a 20 vezes, algumas vezes por dia.
Regularmente realizar exercícios de Kegel durante todo o dia. Você pode fazê-los depois de acordar de manhã, na hora do almoço, à noite e antes de ir para a cama.
Direcione seus músculos pélvicos só e evitar apertar os músculos em seu estômago, nádegas ou coxas. Se você está tendo dificuldade em localizar os músculos pélvicos, procure ajuda de um especialista.
Nota: Os homens que sofrem de prostatite crônica ou síndrome de dor pélvica crônica deve evitar fazer exercícios de Kegel.

> Exercícios aeróbios e de resistência

Manter-se ativo é bom para a próstata, bem como a saúde geral. A inatividade contribui para a obesidade, um dos fatores de risco para a próstata.
Mesmo uma pequena quantidade de exercício como exercícios aeróbicos e de resistência pode ajudar a reduzir problemas urinários causados pelo aumento da próstata e pode até mesmo evitar este problema.
Exercícios aeróbicos podem ajudar você a manter um peso saudável. Incorporar exercícios aeróbicos, como caminhar, correr, corrida, tênis, basquete e remo em sua rotina diária.
Os exercícios de resistência ajudam a melhorar a força e tônus muscular, reduzindo a inflamação.
Exemplos de exercícios de resistência são natação, flexões e levantamento de peso. Faça estes por 30 minutos, algumas vezes por semana.

> Banho de contraste

Um banho de contraste de assento é um remédio calmante e eficaz para o aumento da próstata.
O banho quente vai ajudar a relaxar os músculos pélvicos, reduzir o inchaço e promover a cura. Por outro lado, o banho frio vai aliviar a dor.
Encha uma banheira com água morna e acrescente ½ xícara de sal Epsom nela.
Encha uma outra banheira com água fria e adicione algumas gotas de óleo essencial de lavanda nela.
Em primeiro lugar, sentar-se na banheira com água quente até sua cintura por 3 minutos.
Em seguida, sentar-se na banheira com água fria até sua cintura por 1 minuto.
Faça isso mais 2 vezes. O último banho deve ser sempre na água fria.
Desfrute de um banho de assento algumas vezes por semana.
Nota: Não siga este remédio, se você tem prostatite bacteriana aguda.

> Urtiga

Urtiga também pode diminuir os sintomas da HPB. A raiz contém fitoquímicos bioativos essenciais que ajudam a diminuir o tecido da próstata.
Sendo um diurético natural, como também estimula a eliminação de desperdícios inflamatórios através da micção.
Adicione 1 colher de chá de folhas de urtiga seca para uma xícara de água quente. Bater por 10 minutos, depois coar. Beba este chá 2 ou 3 vezes ao dia.
Você também pode tomar um suplemento de urtiga. O valor normal é de 300 mg por dia. Sempre consulte um médico antes de tomar um suplemento para a dosagem correta para sua condição.

> Seda de milho

Seda de milho é um remédio testado para combater os sintomas de aumento da próstata. Ele age como um diurético natural e ainda ajuda a relaxar os músculos urinário. Isto leva a um aumento no fluxo de urina.
Coloque a seda de 6 espigas de milho fresco em 4 xícaras de água. Ferva, em seguida, cozinhe por mais 10 minutos. Coe e beba até 3 xícaras de chá desta seda de milho por dia.
Outra opção é adicionar 15 gotas de extrato de seda de milho em uma 1 xícara de água e beber algumas vezes por dia.

> Vinagre de maçã

Vinagre de maçã não filtrado tem propriedades adstringentes que ajudam a encolher as glândulas próstata inchada.
Ela também ajuda a perda de peso e ajuda a prevenir complicações da próstata aumentada.
Misture 1 a 2 colheres de sopa de vinagre de maçã não filtrado e 1 colher de sopa de mel em um copo de água morna. Beba-o duas vezes ao dia.
Outra opção é adicionar 1 xícara de vinagre de maçã em uma banheira de água e mergulhar nela por 10 a 15 minutos. Aproveite este banho relaxante algumas vezes por semana.

> Sementes de abóbora

As sementes de abóbora também ajudam a próstata diminuir de tamanho. As sementes contêm propriedades diuréticas que ajudam o fluxo de urina. Elas também são ricas em zinco.
Os homens com hiperplasia prostática geralmente têm uma deficiência de zinco. Além disso, as sementes têm omega-3 ácidos gordos que ajudam no funcionamento da próstata.
A melhor maneira de desfrutar de sementes de abóbora é comê-las puras, sem a adição de qualquer sal. Um punhado de sementes por dia é suficiente.
Alternativamente, coloque um punhado de sementes de abóbora frescas esmagadas em um copo grande.
Adicione a água fervente no copo e deixe esfriar em temperatura ambiente. Coe e beba uma xícara deste chá, algumas vezes por semana.

> Tomates

Os tomates são ricos em licopeno, que ajuda a aliviar os sintomas da HPB.
O licopeno ajuda a diminuir o nível de antígeno prostático específico, ligado àinflamação da próstata e hiperplasia prostática benigna. Isso ajuda a pressão da bexiga e inferior, por sua vez, ajuda a reduzir o aumento da próstata.
Incluir tomates e produtos de tomate, como molho de tomate, purê e suco em suadieta.
Você também pode tomar um suplemento de licopeno, após consultar o seu médico.

(VÍDEO) Câncer de Próstata – sintomas e tratamentos








17 Incríveis Remédios Caseiros para a Próstata Ampliada

BOMBA URGENTE - Vice de Janot é exonerada após vir à tona que participou de ato 'fora, Temer'

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: BOMBA URGENTE - Vice de Janot é exonerada após vir...: Vídeo mostrou Ela Wiecko em protesto contra Temer em junho em Portugal.  Procuradora de carreira, Ela permanecerá na PGR mesmo ...

BOMBA URGENTE - Vice de Janot é exonerada após vir à tona que participou de ato 'fora, Temer'

A subprocuradora da República Ela Wiecko (à esq, segurando a faixa, de óculos escuros) participa em Portugal de ato de protesto ao governo Temer (Foto: Reprodução / TVT)
Vídeo mostrou Ela Wiecko em protesto contra Temer em junho em Portugal. Procuradora de carreira, Ela permanecerá na PGR mesmo com afastamento.

A vice-procuradora-geral da República, Ela Wiecko – número dois na hierarquia da Procuradoria Geral da República (PGR) –, foi exonerada do cargo nesta terça-feira (30), a pedido, após a divulgação de um vídeo que mostra a subprocuradora participando de uma manifestação organizada em Portugal contra o presidente em exercício Michel Temer.
No entanto, como é procuradora de carreira, Ela Wiecko permanecerá na PGR mesmo com a exoneração do cargo de vice do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
Segundo a PGR, o pedido de exoneração foi aceito por Janot. Em nota, a assessoria da Procuradoria informou que o afastamento da vice-procuradora da função será publicada no "Diário Oficial da União" (leia a íntegra do comunicado ao final desta reportagem). Ainda não divulgado quem irá substituí-la na segunda função mais importante do Ministério Público Federal.
O protesto contra o governo Temer no país europeu, no qual Ela Wiecko participou, ocorreu em junho. Na ocasião, a subprocuradora foi filmada no protesto segurando uma faixa que denunciava a realização de um "golpe" no Brasil e tinha a mensagem "fora, Temer".
A participação de Ela no ato foi publicada nesta terça no site da revista "Veja". A reportagem mostrou um vídeo exibido pela TVT, emissora ligada à Central Única de Trabalhadores (CUT), no qual a vice do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, aparece ao lado de estudantes e do intelectual português Boaventura de Sousa Santos, professor catedrático da Universidade de Coimbra.
Ela Wiecko formou-se em direito na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). É procuradora da República desde 1975. Atuou na área de direitos humanos da Procuradoria de Santa Catarina e é subprocuradora-geral da República desde 1992. Já trabalhou com projetos de enfrentamento à violência contra mulher, trabalho escravo e direito dos quilombolas.
É doutora em crimes contra sistema financeiro e participou da elaboração do anteprojeto do Código Penal entre 1997 e 1998. Já presidiu a Associação Nacional dos Procuradores da República. Foi indicada em 2012 à vaga de ministro do STF. Já integrou a lista tríplice para o cargo de procurador-geral sete vezes, em 2001, 2003, 2005, 2007, 2009, 2011 e 2013.
Marido
No começo de agosto, o marido de Ela Wiecko, Manoel Volkmer de Castilho, que trabalhava no gabinete do ministro Teori Zavascki, no Supremo Tribunal Federal, como assessor técnico, foi exonerado após assinar uma petição de apoioao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Castilho assinou o abaixo-assinado que diz que Lula sofre "ataques preconceituosos e discriminatórios". No documento, juristas defenderam o direito de o petista recorrer ao Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) contra a atuação do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância.
Leia a íntegra da nota divulgada pela PGR:
Nota à imprensa
Ela Wiecko Volkmer de Castilho pediu dispensa das funções do cargo de vice-procuradora-geral da República nesta terça-feira, 30 de agosto. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, aceitou o pedido e assinou a portaria que será publicada no Diário Oficial da União.
Na Vice-Procuradoria-Geral da República, ela foi responsável por importantes projetos na área de direitos humanos, como a criação do Comitê Gestor de Gênero e Raça do Ministério Público Federal e a defesa da legalidade da Lista Suja do trabalho escravo. Também teve atuação de destaque no Conselho Superior do Ministério Público Federal e nos processos junto à Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça.