Follow by Email

29 de fevereiro de 2016

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO COM APENAS R$ 30,00...

APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO  COM APENAS R$ 30,00 (TRINTA REAIS)  MENSALMENTE.BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO COM APENAS R$ 30,00...: APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO COM APENAS R$ 30,00 (TRINTA REAIS) FAÇA UM CURSO DE INGLÊS PARA CONVERSAÇÃO MENSALMENTE PRESENC...

APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO COM APENAS R$ 30,00 (TRINTA REAIS) MENSALMENTE.


APRENDA INGLÊS DE CONVERSAÇÃO




COM APENAS R$ 30,00 (TRINTA REAIS)


FAÇA UM CURSO DE INGLÊS PARA CONVERSAÇÃO


MENSALMENTE


PRESENCIAL OU A DISTÂNCIA

.
AULA PARTICULAR EM SUA RESIDENCIA R$ 100,00

.
PROFESSOR - PAULO SANTANA

.
FONES: (84) 9 8712.3951- Oi e Whats'App


(84) 9 9925.6868 Tim
E-mail: magalhaes.representante@hotmail.com.







18 de fevereiro de 2016

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBT

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBT: Pastor ameaça ficar preso com os membros dentro do templo O polêmico pastor James David Manning ficou conhecido por suas declarações inc...

Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBT

Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBTPastor ameaça ficar preso com os membros dentro do templo
O polêmico pastor James David Manning ficou conhecido por suas declarações incisivas contra o estilo de vida dos LGBTS. Contudo, sua igreja no Harlem, em Nova York entrou em processo de falência fiscal e vai a leilão nos próximos dias.
Ele está afundado em dívidas que totalizam 1,2 milhão de dólares. O grupo ativista gay Ali Forney Center, que afirma ser ONG, resolveu fazer uma campanha on-line para arrecadar dinheiro o suficiente para comprar o prédio no leilão e transformá-lo em um “cento comunitário LGBT”.
Segundo sua página na internet, eles já arrecadaram 200 mil dólares e pretendem fazer uma oferta no leilão. Anunciam que reformarão o prédio para alojar “jovens LGBT sem teto” e abrirão uma loja voltada para o público gay. Embora seja um leilão público, os únicos a anunciar publicamente interesse em ficar com o local foram dois grupos gays.
O pastor Manning, que dirige a igreja Atlah Worldwide, afirma que não está preocupado com a possibilidade de perder o templo, pois tem imunidade tributária que o governo não está respeitando por motivos “obscuros”. Ele afirma que é um movimento político e classificou a decisão judicial de “simples apropriação de terra”.
A disposição do grupo gay em adquirir o prédio é muito grande. Eles travam uma “guerra midiática” no Harlem desde que o pastor começou a usar o letreiro em frente ao templo para mostrar mensagens como “Jesus teria jogado pedras em homossexuais” ou “Harlem é uma zona livre de sodomitas”.
No passado, afirmou que os membros da Ku Klux Klan são mais tolerantes do que os “homossexuais brancos”. Ele já respondeu a processos por pedir pena de morte aos gays.
Os problemas da igreja começaram em setembro de 2009. São nove privilégios fiscais federais em disputa, além de cobranças atrasadas de água, luz e impostos e denúncias de vários outros credores. Eles tinham até abril de 2015 para pagar as dívidas. Como não conseguiram, um juiz estadual decretou que a venda do imóvel servirá para o pagamento das dívidas.
Manning está avisando que ficará “sitiado” dentro do templo com os membros e afirma que não irão sair. Desafiou as autoridades a invadirem o local para tirá-los a força e deseja que isso seja mostrado pela televisão.
Em um vídeo publicado na internet, justificou: “Nós não queríamos chegar a esse extremo… mas se tiver de ser assim… então vamos fazer uma barricada e permanecer neste prédio”.
Avisou ainda que os cultos não serão desmarcados, nem o trabalho de distribuição de comida aos sem teto. Além disso, a pequena escola de ensino fundamental que funciona anexa ao templo continuará recebendo os alunos.
Seu apelo também foi para que outras igrejas da região os ajudem financeiramente com os processos, mas até o momento nenhuma se pronunciou oficialmente. Com informações de Raw Story

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Pastor é torturado e obrigado a desfilar em cima d...

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Pastor é torturado e obrigado a desfilar em cima d...: Um grupo ativista hindus chamado Bajrang Dal prendeu e torturou um jovem pastor chamado Avdhesh Savita. Como forma de humilhação, raspar...

Pastor é torturado e obrigado a desfilar em cima de burro Extremistas hindus perseguem cristãos na Índia

Pastor é torturado e obrigado a desfilar em cima de burroUm grupo ativista hindus chamado Bajrang Dal prendeu e torturou um jovem pastor chamado Avdhesh Savita.
Como forma de humilhação, rasparam metade da sua cabeça, uma sobrancelha e um lado de seu bigode. Depois, o colocaram em um jumento e o levaram em procissão pela cidade de Orai, no estado de Uttar Pradesh.
Avdhesh Savita, 36, se converteu a Jesus há seis anos e ministrava na vila Randar, onde vive com a esposa e os quatro filhos. Sua pregação estava incomodando os líderes religiosos do local, que o acusam de ter forçado a conversão de três hindus ao cristianismo.
Além disso, o pastor é acusado de força-los a profanar imagens de deuses hindus, caminhando sobre eles. Porém, a denúncia mais grave foi ele supostamente ter forçado os três a comerem carne de vaca. Esse é um crime grave, pois a proibição de abate de gado está na Constituição indiana.
O fato de o pastor Savita ser da comunidade dalit (intocáveis), contribuiu para ele ser humilhado publicamente, pois seus membros são vistos como menos importantes. Suas filhas, de 16 e 14 anos, e os dois filhos, 11 e 8 precisaram abandonar a escola. Eles temem ser sequestrados ou insultados publicamente, como aconteceu com o pai. A família pretende sair da cidade, temendo retaliações.
Falando à imprensa, Savita relata: “A multidão estava gritando ‘Mate-o e corte-o em pedaços’, mas eu continuei dizendo aos meus algozes que eu creio em Cristo e que nunca fiz mal a ninguém. Mas eles simplesmente não me ouviam”. Ele foi colocado sobre um burro, o que na cultura local serviria para ridicularizá-lo.
O pastor Savita diz ainda ser “grato por este privilégio de ser perseguido por causa do meu Senhor”. “Eu orei durante o tempo todo, mas não por que tenha medo de morrer”, disse Savita.
“Eu pensava: ‘Este pode ser o dia em que estarei diante de meu Salvador’. Só que eu também pensei nos meus filhos, pois eles são muito jovens”, desabafou.
A denúncia contra Savita foi feita por Sangam Jatav, enquanto Sunil Jadhav e Ravi Saxena negam que tenham sido obrigados a se converter ou a comer carne. O pastor afirma que tudo não passou de uma intriga de Jatav, que tentou extorqui-lo pedindo dinheiro para comprar bebidas alcoólicas e cigarros.
Quando Savita, se recusou ouviu ameaças. Ele procurou uma rede de TV local e começou a fazer acusações sem provas. Poucos dias depois, a casa do pastor foi invadida pelos radicais e ele foi humilhado publicamente.
As autoridades locais revelaram que existem três processos contra Jatav, sendo que um deles é por tentativa de homicídio. Com informações de Morning Star News e Pakistan Christian Post

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Cristãos que trocam muito de igreja agem como vici...

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Cristãos que trocam muito de igreja agem como vici...: A prática de ficar visitando igrejas é relativamente comum no meio evangélico em várias partes do mundo. Existe até um termo para isso em ...

Cristãos que trocam muito de igreja agem como viciados "Nossa cultura parece estar atraída por aquilo que nos causa ‘arrepios’ ou nos ajuda a escapar da rotina", defende estudiosa

Cristãos que trocam muito de igreja agem como viciadosA prática de ficar visitando igrejas é relativamente comum no meio evangélico em várias partes do mundo. Existe até um termo para isso em inglês, “church hopping”.
Seus adeptos não ficam muito tempo frequentando o mesmo templo, nem se envolvem com a igreja local. Geralmente, quem faz isso são pessoas que buscam continuamente alguma experiência espiritual que apele para suas emoções.
Jeanie Miley é uma estudiosa que pesquisa e escreve sobre essa questão. Esposa do pastor da Igreja Batista de River Oaks, no Texas, ela possui experiência pessoal, tendo conhecido muitos que fazem isso. Para ela, esse comportamento poderia ser comparado com o de viciados. Essas pessoas buscam constantemente uma “sensação” da presença de Deus em suas vidas.
Isso pode acontecer quando escutam sermões “emocionantes” dos pastores ou participam de um período de adoração particularmente agitado. Outros desejam ouvir preferencialmente sobre um assunto, como o final dos tempos. Há quem simplesmente quer “sentir o fogo”.
A estudiosa afirma que para esses cristãos, a igreja se confunde com uma “emoção espiritual” que deve ser perseguida continuamente. “Nossa cultura parece estar atraída por aquilo que nos causa ‘arrepios’ ou nos ajuda a escapar da rotina”, disse. “Isso, de certa forma, nos alivia de sensações como vazio, dor ou tédio.”
Os cristãos que se esforçam continuamente para estar em um local onde vivenciam esse “momento espiritual arrebatador”, precisam de ajuda, defende Miley. “Se a religiosidade passa a ser vivenciada como um vício, pode deixar as pessoas fora de si”, assevera.
A pastora e escritora Lucy Worley, também estuda essa questão. Relata que ela mesmo viveu uma fase da vida em que buscava essas “experiências espirituais intensas”. Ela desabafa: “Durante muito tempo pensei que algo estava errado comigo. Afinal, eu não sentia mais aquilo que experimentei quando me converti ao Senhor”.
Em um texto recente para a revista Relevant, Worley explicou que “Aquele sentimento do coração ‘em chamas’ que tinha quando era nova convertida, era impossível ser repetido.”
Ela temia que a ausência desses sentimentos de alguma maneira “invalidavam” a sua fé. “Tive algumas experiências muito intensas logo após meu novo nascimento, e passei a associar essas emoções intensas com um relacionamento saudável com Deus”.
A pastora faz uma analogia, comparando a sensação com uma escalada. “Eu gostei de ficar no alto da montanha, não queria perder isso”. Com o tempo, ela afirma que aprendeu que mesmo não tendo aqueles “momentos de pico”, pôde ter experiências ainda mais enriquecedoras que serviram para fortalecer sua fé. Para ela, é um sinal de maturidade cristã. Com informações de Urban Christian News

17 de fevereiro de 2016

Homem finge que é pastor e assalta Igreja Mundial em M

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Homem finge que é pastor e assalta Igreja Mundial ...: Ele levou dois microfones, cada um deles vale cerca de R$ 2 mil. Uma Igreja Mundial do Poder de Deus em Várzea Grande (MT), teve do...

Homem finge que é pastor e assalta Igreja Mundial em M

Adolescente rouba e incendeia templo evangélico
Ele levou dois microfones, cada um deles vale cerca de R$ 2 mil.

Uma Igreja Mundial do Poder de Deus em Várzea Grande (MT), teve dois microfones roubados por um homem que entrou na igreja se apresentando como pastor.
Segundo informações da Polícia, Luiz Fernando Hauer, 26 anos, entrou na igreja alegando que era pastor e dizendo que queria participar do culto. Quando as pessoas que estavam no local se distraíram, ele conseguiu furtar os objetos e fugiu.
“Ele entrou aqui com uma Bíblia nas mãos, falou que era evangélico. Ficou rondando. Quando a gente percebeu, viu que os microfones tinham sumido”, explicou o pastor Lucas Guimarães Silva Gomes.
O caso aconteceu na semana passada, a segurança da igreja conseguiu ir atrás do infrator que foi levado até o 4º Departamento da Polícia Militar de Várzea Grande.
O rapaz chegou a negar o crime, mas os dois microfones, cada um deles custa certa de R$ 2 mil, estavam dentro de um fundo falso na mochila.
O homem foi detido e levado para a Delegacia Central de Flagrante, ele já tem passagem na polícia por porte ilegal de arma. Com informações Mídia News

LIDER CATÓLICO SE REÚNE COM EVANGÉLICOS EM CUBA

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: LIDER CATÓLICO SE REÚNE COM EVANGÉLICOS EM CUBA: Essa é a primeira vez que um representante de Vaticano se encontra com lideranças evangélicas do país. No último sábado (13) altas ...

LIDER CATÓLICO SE REÚNE COM EVANGÉLICOS EM CUBA



Líder católico se reúne com evangélicos em CubaEssa é a primeira vez que um representante de Vaticano se encontra com lideranças evangélicas do país.
No último sábado (13) altas hierarquias católicas se encontraram com líderes evangélicos em Havana, capital de Cuba. O encontro aconteceu após a reunião ecumênica entre o papa Francisco e o patriarca ortodoxo russo, Kirill.
O cardeal Kurt Koch, presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos, reuniu-se com Joel Ortega, o presidente do Conselho de Igrejas de Cuba que representa mais da metade das igrejas evangélicas do país.
Dirigentes e líderes de igrejas e de instituições cristãs e com o vice-presidente da Comunidade Hebreia de Cuba também estiveram neste encontro segundo informou o jornal Juventud Rebelde.
Segundo a publicação, a reunião teve “um diálogo respeitoso e cordial” e se tornou histórica por ser a primeira vez que um representante da alta cúpula do Vaticano se reúne com a representação dos evangélicos cubanos.
Apesar de toda a perseguição sofrida nos últimos anos, os evangélicos são o terceiro maior grupo religioso de Cuba, atrás apenas dos católicos e dos praticantes de cultos africanos. Com informações Estadão 

13 de fevereiro de 2016

Pastora é presa após conduzir, por horas, oração de ressurreição de criança de 02 anos de idade; Assista

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Pastora é presa após conduzir, por horas, oração d...: Uma mulher identificada como pastora foi presa depois de conduzir, durante horas, uma oração de clamor pela ressurreição de um menino de 0...

Pastora é presa após conduzir, por horas, oração de ressurreição de criança de 02 anos de idade; Assista

Pastora é presa após conduzir, por horas, oração de ressurreição de criança de 02 anos de idade; AssistaUma mulher identificada como pastora foi presa depois de conduzir, durante horas, uma oração de clamor pela ressurreição de um menino de 02 anos.
A pastora Araceli Meza dizia aos fiéis que a criança, já sem vida, estava na verdade possuída por demônios, e que a oração o traria de volta. Os pais da criança disseram que não o alimentavam há 25 dias, o que resultou em sua morte.
Testemunhas da oração pela ressurreição filmaram o acontecido. No vídeo, a pastora ora “em nome de Jesus” para que o menino volte à vida. O triste caso repercutiu na imprensa internacional, que destacou o clima “sinistro” da reunião de oração.
Araceli é esposa de Daniel Meza, e junto com ele dirige uma igreja evangélica pentecostal no Texas (EUA), voltada ao público latino. O site inglês Daily Mail destaca que durante a cerimônia, Araceli usava “óleos e orava na tentativa de trazer o menino, identificado por uma testemunha como Benjamin, de volta à vida”.
A pastora, que declaradamente não é a mãe da criança, foi presa na segunda-feira, 13 de abril, sob acusação de maus tratos a uma criança por omissão. A fiança estabelecida para libertação de Araceli é de US$ 100 mil.
O caso foi descoberto depois que testemunhas contaram à Polícia sobre o ocorrido durante uma visita que os investigadores fizeram à vizinhança, no dia 26 de março.
Na ocasião, eles buscavam fazer uma verificação de bem-estar das crianças, e foram informados por moradores que um menino de dois anos de idade havia morrido quatro dias antes, e os pais tinham tentado ressuscitá-lo através de uma cerimônia de oração conduzida pela pastora.
À emissora CBS, um policial afirmou que ainda não há informações suficientes sobre qual era a intenção dos pais do menino e do casal de pastores: “Nós não sabemos se isso foi para tentar ressuscitar o espírito da criança, não sabemos se isso foi para tentar ressuscitar o filho si ou o que exatamente esse serviço ou cerimônia engloba”, afirmou.

Fãs criticam “promoção da homossexualidade” durante show do intervalo no SuperBowl 50; Entenda

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: Fãs criticam “promoção da homossexualidade” durant...: Na noite de ontem, domingo, 07 de janeiro, aconteceu o SuperBowl 50, a final do futebol americano, em San Francisco, Califórnia (EUA). E c...

Fãs criticam “promoção da homossexualidade” durante show do intervalo no SuperBowl 50; Entenda

Fãs criticam “promoção da homossexualidade” durante show do intervalo no SuperBowl 50; EntendaNa noite de ontem, domingo, 07 de janeiro, aconteceu o SuperBowl 50, a final do futebol americano, em San Francisco, Califórnia (EUA). E como acontece tradicionalmente, grande parte da expectativa estava direcionada para o show do intervalo, que reuniria os artistas Bruno Mars, Coldplay e Beyoncé. Porém, muitos dos fãs do esporte se queixaram de haver apologia à homossexualidade durante a apresentação dos artistas.
O evento, considerado histórico pelos fãs do esporte, começou com homenagens a todos os jogadores que foram eleitos os mais valiosos nos 49 anos anteriores. Na sequência, Lady Gaga – conhecida por ser uma entusiasmada militante LGBT – interpretou o Hino Nacional dos Estados Unidos.
O jogo transcorria disputado, até que no intervalo, o show passou a incomodar os fãs mais conservadores por causa das luzes coloridas que ornavam o palco e os mosaicos formados pelos espectadores.
Ao final do show (foto), o mosaico planejado pelos organizadores do evento expunha a marca da militância LGBT com a mensagem: “Creia no amor”. No Twitter, as reações foram imediatas e inconformadas.
Nos Estados Unidos, com a população amplamente cristã e boa parte conservadora, a ideia de um dos símbolos da cultura nacional – o futebol americano – ser usado para promover a homossexualidade, não foi bem aceita.

O BISPO MAGALHÃES DIZ: CARNAVAL É FESTA DA CARNE E NÃO DO ESPIRITO.

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: O BISPO MAGALHÃES DIZ: CARNAVAL É FESTA DA CARNE E...: O BISPO MAGALHÃES DIZ: A SOBERBA DA VIDA, NÃO É DO PAI, MAS DO MUNDO E ACONSELHO FICAR A DISTANCIA DO CARNAVAL. O Bispo Magalhãe...

O BISPO MAGALHÃES DIZ: CARNAVAL É FESTA DA CARNE E NÃO DO ESPIRITO.

O BISPO MAGALHÃES DIZ: A SOBERBA DA VIDA, NÃO É DO PAI, MAS DO MUNDO E ACONSELHO FICAR A DISTANCIA DO CARNAVAL.

Resultado de imagem para festa de carnaval
O Bispo Magalhães exortou os fiéis a não participarem do carnaval argumentando com as origens da festa e sua natureza essencialmente pagã, criada para celebrar o pecado.
No artigo, o Bispo Magalhães destaca que até onde se sabe, com base em pesquisas, a origem da festa é um culto a deuses gregos, em gratidão à colheita, e com rituais que giram em torno da sexualidade.
Resultado de imagem para festa de carnaval“A origem do carnaval ainda é desconhecida. As primeiras referências a ele estão relacionadas a festas agrárias. Alguns atribuem seu surgimento aos cultos de agradecimento aos deuses pela fertilidade do solo e pela colheita, realizados na Grécia durante o século 7 a. C. A festividade incluía orgias sexuais e bebidas […] 
As folias do Carnaval também estão ligadas às festas pagãs romanas, marcadas pela licenciosidade sexual, bebedeira, glutonaria, orgias coletivas e muita música”, contextualizou o Bispo Magalhães, resumindo a origem da festa.
O líder da Assembleia de Deus - Ministério Internacional do Deus Vivo (MIDV) pontuou que, “com o advento do cristianismo, a Igreja Católica Apostólica Romana começou a tentar conter os excessos do povo nessas festas pagãs e a condenar a libertinagem”, mas dada a “resistência popular, em 590 d. C. ela própria oficializou o carnaval, dando origem ao ‘carnaval cristão’, quando o papa Gregório I marcou definitivamente a data do Carnaval no calendário eclesiástico”.
Resultado de imagem para festa de carnavalDa mesma forma que acontece ainda hoje, “esse momento de grandes festejos populares antecedia a Quaresma, período determinado pela Igreja Católica para que todos os anos os fiéis se dedicassem, durante 40 dias, a assuntos espirituais, antes da Semana Santa”, fazendo assim com que “no período que ia da Quarta-feira de Cinzas até o Domingo de Páscoa, o povo se entregasse à austeridade e ao jejum, para lembrar os 40 dias que Jesus passou no deserto consagrando-se”.
O nome “carnaval” surgiu de uma iniciativa popular, pois como enfrentariam 40 dias de privações, criou-se a cultura de permissividade para que “o povo cometesse então algumas extravagâncias antes”.
Nesse cenário, às vésperas da Quaresma, “os cristãos fartavam-se de assados e frituras entre o domingo e a ‘terça-feira gorda’. O que deveria ser apenas uma festa religiosa acabou assimilando os antigos costumes de libertinagem e bebedeiras. Esses dias de ‘vale-tudo’ que antecedem a Quaresma, em que as pessoas ficam 40 dias sem comer carne, passaram a ser chamados de adeus à carne, que em italiano é carne vale, ou carnevale, resultando na palavra carnaval”, diz o Bispo Magalhães.
Ao final do texto, o Bispo Magalhães pondera que esse período de atitudes inconsequentes sempre gera efeitos reais a curto, médio e longo prazo, contribuindo para o afastamento de Deus: “Visto que até hoje essa festa da carne traz consequências físicas, morais e espirituais degradantes, estampadas nos noticiários da Quarta-feira de Cinzas''.
Aconselho aos que não participam do Carnaval que continuem de fora; e, aos que participam ou pretendem participar, meu conselho é 1 João 2.16: ‘'Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo'’. 
Sendo assim, não convém ao cristão, mesmo a título de curiosidades, participar dessa festividade”.

“O melhor é buscar a vontade de Deus”, diz Billy Graham, aconselhando jovens sobre o casamento

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: “O melhor é buscar a vontade de Deus”, diz Billy G...: A dúvida sobre a escolha da pessoa certa para o casamento é uma presença na vida da maioria das pessoas, que muitas vezes questionam a líd...

“O melhor é buscar a vontade de Deus”, diz Billy Graham, aconselhando jovens sobre o casamento

“O melhor é buscar a vontade de Deus”, diz Billy Graham, aconselhando jovens sobre o casamentoA dúvida sobre a escolha da pessoa certa para o casamento é uma presença na vida da maioria das pessoas, que muitas vezes questionam a líderes e familiares sobre qual é a melhor decisão a se tomar. Diante disso, o evangelista Billy Graham, 97 anos, escreveu um artigo sobre o tema, aconselhando a buscar a inspiração para as decisões em Deus.
Graham foi questionado por uma de suas leitoras no jornalKansas City Star sobre o que fazer, já que seu namorado promete arrumar um bom emprego e abandonar a bebedeira se ela se casar com ele. Para tornar a situação ainda mais delicada, os pais dela a aconselham a não acreditar nisso.
O evangelista foi sincero em sua resposta: “Creio que eu não possa lhe dar a resposta que você está esperando, mas para ser franco, se ele realmente a amasse, faria todos os esforços para mudar a sua vida agora. A Bíblia diz: ‘A sabedoria vai poupar você dos homens cujas palavras são perversas’ (Provérbios 2:12)”, aconselhou.
“Ao longo dos anos tenho recebido inúmeras cartas de homens e mulheres cujos cônjuges prometeram mudar uma vez que eles estivessem casados, mas nunca o fizeram. Em vez disso, eles se mostraram estar preocupados consigo mesmos, e uma vez que estando casados, eles não viram qualquer razão para mudar. Eles também tinham pouco respeito para com as necessidades e preocupações do cônjuge, e em muitos casos provaram-se infiéis a seus votos de casamento. Eles ignoraram o ensinamento da Bíblia que ‘o amor é paciente, o amor é bondoso. … Ele não desonrar os outros, não é egoísta’ (1 Coríntios 13: 4-5)”, acrescentou.
Ao final, sugerindo meios para evitar tais problemas, o evangelista Billy Graham ofereceu um conselho: “Busquem a vontade de Deus para o seu casamento”, pontuou. “Se Deus te ama (e Ele realmente ama), Ele seria confiável para guiá-lo nesta importantíssima área de sua vida? Claro que Ele pode! Porque Ele conhece suas necessidades e Ele quer o que é melhor para você”, garantiu.

Mais Lidas da Internet

Recomendado para Você - Gospel+