Follow by Email

8 de fevereiro de 2016

Todo apoio a Cássio Conserino, o promotor que afirmou ter tudo pronto para denunciar Lula

Resultado de imagem para LULA
















Há muita coisa em jogo na notícia, antecipada pela Veja, de que o promotor Cássio Conserino denunciará Lula e Marisa por ocultação de propriedade. Os passadores de pano  de sempre na internet se aliaram aos jornalistas vendidos e  aos bandidos da notícia para atacar o promotor, com a tentativa de intimidá-lo. A acusação principal que fazem é que o MPF não pode antecipar uma denúncia antes dela ser efetuada. Com isto os leitores desses sites se sentiram livres para atacar com ofensas pessoais e acusações das mais diversas.


Sabendo que o MPF é composto por gente experiente, sempre sob fogo e foco de profissionais políticos e da advocacia, por que então Cássio Conserino teria aberto o jogo para a revista Veja, e depois confirmado à Folha e ao jornal O Globo?
A única resposta plausível é: Cássio Conserino sabe que vai viver um inferno ao propor a denúncia. Sabe que, até mesmo em sua instituição, poderá ser constrangido para não fazê-lo. Sabe que se isto vazasse internamente e chegasse aos ouvidos dos donos do poder, ele poderia sofrer represálias.
Tudo indica que a entrevista de Cássio Conserino foi um grito de socorro e uma vacina para preservá-lo. Muito provavelmente fez isto para comover a opinião pública, alertar outras autoridades, garantir suas condições profissionais e, quem sabe, até mesmo sua segurança pessoal.
Esta hipótese se reforça pela reação dos bandos de sempre à entrevista. A vida de Cássio Conserino já começou a ser revirada pela banda podre da internet, suas fotos estão sendo expostas e ele vem sendo xingado e ameaçado em caixas de comentários daqueles sites de sempre.
Devemos apoiar todos os funcionários públicos que atuam dentro da lei para perseguir bandidos, investigar suspeitas e denunciar crimes. Todo apoio a Cássio Conserino. Precisamos evitar que tenhamos um “Alberto Nisman” brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário