Follow by Email

16 de junho de 2016

POLÍTICA - FEITA COM GOZAÇÃO AOS ELEITORES - A SENADORA GLEISI DIZ SORRINDO MESMO COM TRIPLEX DE LUXO E SÍTIOS ELE SERÁ O PRÓXIMO PRESIDENTE EM 2018.

gleisi-rindo.jpg
Mesmo com triplex e sítio, Lula será eleito presidente do Brasil em 2018, debocha Gleisi.

Atolada no Petrolão, maior escândalo de corrupção da História, investigada pela Operação Lava-Jato e alvo principal da Operação Pixuleco II, a senadora Gleisi Helena Hoffmann (PT-PR) não perde arrogância, ao mesmo tempo em que não se separa do “non sense”.

A senadora paranaense debochou da aparente incapacidade do brasileiro de punir com o voto o Partido dos Trabalhadores, que protagonizou assombrosos e inexplicáveis escândalos de corrupção. 

Gleisi elogiou os cínicos discursos de Lula na festa dos 36 anos do partido e previu que, apesar do sítio em Atibaia e do triplex no Guarujá, Lula será reeleito presidente em 2018.

“Apesar dos problemas que enfrenta, referentes a um apartamento triplex e um sítio, Lula mantém a serenidade, a sensatez, a coragem de fazer o combate, enfrentar as adversidades e olhar para frente”, tripudiou Gleisi em seu discurso. 

Completou o raciocínio (sic) prevendo a vitória do PT em 2018, mesmo com Lula carregando o sítio e o triplex a tiracolo.

“Esse é o Lula. E é isso que está em jogo, a presidência de 2018. Pela pesquisa publicada pelo Datafolha, no jornal Folha de São Paulo, pode-se evidentemente ver isso: apesar de ter uma série de dados positivos, a manchete é óbvio rumou para o lado negativo. 

Mas o fato é que esta pesquisa diz que Lula estaria no segundo turno e, eu tenho certeza, ganharia as eleições nesse país”.

Gleisi Hoffman destacou que Lula é considerado o melhor presidente que o país já teve por 37% dos brasileiros, segundo pesquisa Datafolha, divulgada no último domingo pela “Folha”. Nenhum outro presidente atingiu esse patamar, afirmou a senadora.

“De acordo com a pesquisa, se as eleições presidenciais fossem hoje, Lula estaria no segundo turno qualquer que fosse o candidato”. Para Gleisi, “isso ocorre porque ele representa um projeto que mudou o Brasil”.

De fato o projeto petista de fazer a revolução pela corrupção mudou o Brasil. A percepção a respeito do país jamais foi tão ruim. 

Os indicadores econômicos apresentam recordes negativos, mas os autores desse desastre ainda são capazes de produzir peças de retórica auto congratulatória e debochar dos brasileiros de maneira pífia e acintosa. 

Ou seja, o Brasil transformou-se em uma ópera bufa, orquestrada nas coxias por um partido que já foi acusado de ser organização criminosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário