Follow by Email

16 de agosto de 2016

FAMOSOS - “Bíblia” da Record não é a mesma da igreja diz Geraldo Luis depois de ser demitido

Resultado de imagem para GERALDO LUIZ COM A BIBLIADe todas as outras, a palavra perdão é, disparado, a que mais aparece nos versículos bíblicos. 

Desde sempre nos é ensinado que perdoar, mesmo que extremamente difícil para qualquer ser humano, é condição essencial para uma relação saudável com Deus.

Em Mateus, capítulo 18, versículos 21 e 22, “Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: ‘Senhor, quantas vezes deverei perdoar a meu irmão quando ele pecar contra mim? 
Até sete vezes?’ Jesus respondeu: ‘Eu lhe digo: não até sete, mas até setenta vezes sete'”.
Pois bem, o apresentador Geraldo Luís cometeu o desatino de discordar da direção da Record em um assunto qualquer e reclamar no ar, valendo-lhe por isso o afastamento definitivo do programa “Domingo Show” e a ameaça de ter seu contrato rescindido. 
Foi colocado de castigo sem ter direito de defesa ou ao menos saber o que pretendem fazer da sua vida daqui em diante.
Mas peraí, a direção da Record não é inteiramente constituída por membros da Universal? 
Não existem vários bispos, pastores e simpatizantes distribuídos nos seus mais diferentes cargos executivos?
Com toda certeza, constata-se, o que é pregado na igreja não é colocado em prática, caso contrário a Record não seria a “emissora dos encostados” ou dos “não perdoados”. 
Britto Junior antes, Geraldo Luis agora. Quem será o próximo?
Adendo
Importante acrescentar, ao acima colocado, que a Rede Record de Televisão tem como sócio majoritário o bispo Edir Macedo, criador e líder maior da Igreja Universal do Reino de Deus.
Efetivado
Ontem foi o último dia do Luiz Bacci nos programas da manhã da Record.
A partir do próximo domingo, ele será efetivado como apresentador do ‘Domingo Show”. Ontem, nessas condições gravou com Wesley Safadão, em São Paulo.
Parênteses
Vale deixar bem claro que Luiz Bacci não teve nenhuma interferência no afastamento do Geraldo Luis. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.
Como contratado da Record, coube ao Bacci apenas o dever de acatar uma ordem superior. A “puxada de tapete”, comum em todas as emissoras e em inúmeras situações, neste caso não existiu.
Piloto no ar
O desafio da Record, a partir de agora, é encontrar um novo apresentador para os matinais “Balanço Geral – Manhã” e “São Paulo no Ar”.

O testado do dia, nesta quarta-feira, será Tino Junior, do Rio de Janeiro…

Nenhum comentário:

Postar um comentário