Follow by Email

12 de julho de 2016

NOTÍCIAS GOSPEL -Bianca Toledo fecha igreja que liderava com Felipe Heiderich e rebate críticas por exposição

A cantora e missionária Bianca Toledo decidiu encerrar as atividades da igreja que ela liderava ao lado do ex-marido, pastor Felipe Heiderich e se defendeu das acusações de se expor de forma ampla.
O Ministério AME (Associação Mundial de Evangelização e Ensino) havia sido fundado há pouco mais de quatro meses, porque o pastor Felipe Heiderich sentia a necessidade de manter um templo para receber as pessoas.
“Assim que eu soube do ocorrido me reuni com os membros e encerrei a igreja”, afirmou Bianca Toledo.
A cantora revelou ainda que seu ministério, ligado ao Kingdom Global Ministry, de Dallas, Texas (EUA), continua ativo. 
“Agir contra meu próprio marido exigiu de mim muita coragem. Não nego meu Deus por amor a ninguém”, acrescentou.
Os líderes do Kingdom Global Ministry suspenderam a associação de Felipe Heiderich para falar como pastor da instituição e enviaram uma carta a ele comunicando a decisão.
“Apresentei o Felipe aos meus líderes em Dallas, e respaldaram o ministério dele. 
Mas, imediatamente ao saber que tinha molestado o enteado, foi retirada a licença para atuar como ministro do Evangelho. 
Felipe dizia, para mim e para todos, que era ordenado há mais de dez anos. 
Ele era reconhecido no país todo como pastor, mas aqui no Brasil não fazia parte de nenhuma entidade”, afirmou Bianca Toledo.
Veja a carta enviada pelos líderes do Kingdom Global Ministry a Felipe, assinada pelo missionário Larry Titus:

Nenhum comentário:

Postar um comentário